HIDRATAÇÃO PELAS PALAVRAS

Casar é fácil?!

- É e não é! Do meu ponto de vista é uma questão de ponto de vista. Você aperta #daqui e #dali e faz uma festança. Todo mundo fica feliz. Eu fiquei! Minha festa de casamento foi uma graça.

Mas manter-se casado é um desafio diário. Tolerância se chama amor. Diálogo se chama amor. Paciência se chama amor. Respeito se chama amor. Tudo tem que se chamar amor em nome do amor. Mas fácil não é!

Hoje, muito próximo de completarmos 21 anos de convivência, recebi do meu #maridex essa mensagem linda que o Fabrício Carpinejar escreveu pra nós (#sqn)

HIDRATAÇÃO PELAS PALAVRAS

Fabrício Carpinejar, Poeta, Poesia, Amor, Hidratação, Família, Cléo Moretti,
Para que nos mantenhamos hidratados sempre.
Relacionamento se faz no detalhe, na pronúncia, no modo como nos comportamos longe das datas festivas e das folgas dos finais de semana. Ou se tem uma rotina apaixonada ou se é levado pela agressividade. Não identificamos o quanto perdemos inúmeras chances de delicadeza ao longo do dia. Desperdiçamos a gentileza com quem amamos.

Parece que a educação deve ser usada para os estranhos, aquele que está ao nosso lado é obrigado a aguentar grosseria, irritação, azedume, maus tratos.

Entramos no jogo de compensações: quando tristes, maltratamos; quando felizes, festejamos, e não enxergamos problema nenhum nesta alternância.

É preciso criar um mínimo civilizacional, ainda que nos dias mais trágicos, para não ferir os próximos e não destruirmos os laços com as nossas mágoas. Se seguirmos os nossos impulsos, seremos bichos. Morderemos e atacaremos com as palavras.

Ninguém desperta de bom humor (trata-se de uma lenda), o que existe é um redobrado exercício de concentração para sorrir de manhã cedo. A docilidade é uma ardilosa construção psicológica e temperamental. Maquiamos o caráter para conviver.

Generosidade, portanto, consiste em atenção lapidada, em refinada vigilância, em não ser tomado pelo impulso egoísta de que o outro tem a obrigação de nos servir e nos entender.

Só é acabar a água na geladeira que já podemos antever o temperamento de cada um na relação. É uma frase inofensiva que traduz uma gama variada de sentimentos. Por uma declaração banal e singela, já antevemos se a pessoa pretende discutir, agredir ou nos confortar.

– Você me deixou sem água? (autoritário)

– Nem água tem nesta casa! (apocalíptico)

– Esqueceu de comprar água? (acusatório)

– Esqueci de comprar água! (culpado)

– Temos que comprar água! (solidário)

– Você não presta atenção em nada! (oportunista)

– Acabou a água, vou sair para comprar! (engajado)

– Você deseja que eu morra de sede? (filial)

– Cadê a água? (curto e grosso)

– Não temos mais dinheiro para comprar água? (inseguro)

– Vamos beber água da torneira por enquanto. (conformado)

– Farei uma lista de supermercado para não esquecermos nada. (compreensivo)

Quando acabar a água, cuide também para não acabar o amor.

Publicado no Jornal Zero Hora. Revista Donna, p.32. Porto Alegre (RS), 16/08/2015 Edição 18263
Comente pelo Blogger
Comente pelo Google+

10 comentários:

  1. Simplesmente perfeito o texto.
    Na maioria das vezes a convivência nos deixa insensíveis ou até mesmo grosseiros e incompreensíveis com as pessoas com as quais devíamos ter mais consideração e amor, pois são essas que estão do nosso lado independente das palavras duras e amargas que a rotina nos impõe ou simplesmente nos leva a descarregar sobre quem nos é mais próximo. Devemos rever nossos conceitos e passar a dar valor a quem realmente nos importa.

    Bjos

    http://www.charmeeglamour.com/

    ResponderExcluir
  2. Amei o texto! Nos faz pensar, e que o amor nunca acabe com a água!
    Parabéns pelos 21 anos! Deus abençoe sempre!
    http://www.mamaeaprendiz.com/

    ResponderExcluir
  3. hahahaha apocalíptico foi ótimo!! aqui também é assim... também são 21 anos em setembro =)

    o segredo é entender que cada um é do seu jeito, não ficar brigando por picuinhas que só azedam o dia.

    amei a foto!

    beijosssss

    ResponderExcluir
  4. Que texto lindo!! Parabéns e que venha muitos e muitos anos!!

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi linda !!!
    Amei ... tão verdadeiro.
    Temos que rever nossas atitudes todos os dias .
    Beijos
    Deus abençõe

    ResponderExcluir
  6. Oi tudo bem.Estou aqui por uma festa que foi realizada para o dia das mães eu achei linda .Gostaria de saber qual foi a decoração.Não deu para ver direito.

    ResponderExcluir
  7. Oi tudo bem.Estou aqui por uma festa que foi realizada para o dia das mães eu achei linda .Gostaria de saber qual foi a decoração.Não deu para ver direito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rosangela :)
      Qual link do post para que eu possa identificar e lhe responder :)

      Excluir
  8. realmente casamento não é fácil, e tudo como vc disse tem que se chamar amor e ser por amor, não é fácil conviver com alguém mas com amor e compreensão de ambas as partes tudo é possível, lindo texto.

    tem um sorteio rolando no meu blog e gostaria de convidar vc e seus leitores para participarem, bjus

    http://www.dicasdachil.blogspot.com.br/2016/04/sorteio-1-ano-de-blog-dicas-da-chil.html

    ResponderExcluir

Quer mais? Aqui tem!

Copyright © 2013 Dona Maricota Feliz - Layout Personalizado por Giselle Carvalho
Subir